Translate

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Orquestra Infanto-Juvenil apresenta pela primeira vez na Lagoinha | Lagoinha

Orquestra Infanto-Juvenil apresenta pela primeira vez na Lagoinha | Lagoinha


As crianças e pré-adolescentes, tocam violino, viola, violoncelo e contrabaixo.
O som dos instrumentos de cordas encheu o templo da Igreja Batista da Lagoinha na manhã do dia 16. A música era produzida por aproximadamente 40 crianças da Orquestra de Cordas Infanto-Juvenil da Fábrica de Artes da IBL. “Foi emocionante, vê-las tocando para Deus. O som estava muito lindo e acho que a Igreja ficou impactada”, diz a auxiliar da Fabrica de Artes, Elenize Silva.
Os músicos infantis iniciaram a apresentação com a música “Deus está perto de nós” do Ministério de Louvor Diante do Trono e prosseguiram com outras canções do grupo e de outros ministros de louvor. As crianças e pré-adolescentes, com idades entre 5 e 13 anos, tocam violino, viola, violoncelo e contrabaixo, instrumentos básicos de uma orquestra.
Sérgio Gomes, maestro e Coordenador-Geral da Fábrica de Artes, conta que a orquestra iniciou seus trabalhos em agosto do ano passado. “Atualmente são poucos os músicos cristãos que tocam esses instrumentos. Na Fábrica de Artes, desde o primeiro dia de aula, as crianças já têm um ensaio de orquestra, mesmo não sabendo tocar. Faz parte da metodologia e do ensino dos instrumentos de cordas: aprender a trabalhar em grupo e saber como funciona uma orquestra”, explica Sérgio.
Na foto: O casal Soraya e Maestro Sérgio Gomes, Aninha (Filha do casal), Ana Paula Valadão e Sérgio Paulo (Filho do casal).
Sérgio explica que durante a semana, os alunos da Fábrica de Artes têm três aulas: uma sobre algum dos instrumentos (violino, viola, violoncelo ou contrabaixo), uma de ensaio de orquestra (que complementa o que foi ensinado tecnicamente) e outra de musicalização (quando as crianças aprendem sobre percepção e leitura musical).
Para a estreia, a orquestra iniciou os ensaios no final de abril. O último ensaio aconteceu no domingo passado, na Fábrica de Artes, com a presença de vários pais que acompanharam os filhos com muita expectativa.
Luciana Molinari, membra de Lagoinha desde 1997, e mãe de Henrique Molinari, de 6 anos, conta que o filho faz aula de violino na Fábrica de Artes desde que inaugurou. “Estou realizando um sonho. Desde quando eu estava grávida do Henrique eu falava com meu esposo da minha vontade que a Lagoinha tivesse uma orquestra infantil. Mas o que mais me motiva é saber que na Fábrica meu filho não está sendo trabalhado apenas para aprender a tocar um instrumento, mas sim, fazer o melhor para Deus”, comenta Luciana.
Durante o último ensaio, a pastora Sandra Regina disse que crê que a estreia tocará muitos corações. O maestro Sérgio confirma essa expectativa: “A Fábrica de Artes é uma escola cristã que tem o objetivo de capacitar a criança para o ministério. Ensinamos instrumentos, valores e trabalho em equipe. Formamos não só músicos, mas adoradores que possam usar o talento que receberam de Deus. Creio que a apresentação de domingo (16/6) foi o início de um sonho do nosso pastor Márcio e meu também. Já começamos, e esse já é o primeiro passo para a realização de um grande sonho: termos uma orquestra sinfônica na Lagoinha”.
A Orquestra Infanto-Juvenil da Fábrica de Artes é coordenada pelo Ministério de Louvor da IBL cuja líder é a pastora Ana Paula Valadão Bessa. No repertório de estreia quatro músicas do Diante do Trono.
Fotos: Jean Assis
 ::Priscilla Vieira e Atilano Muradas
Colaboração: Érica Fernandes

Nenhum comentário:

Postar um comentário